Gaeco apresenta 23ª denúncia e aponta propina envolvendo Ricardo Coutinho na compra de imóvel em condomínio de luxo no bairro Portal do Sol

Por Redação Além do Fato em 29/10/2021 às 17:04:19

O Ministério Público protocolou a 23ª denúncia no âmbito da Operação Calvário, que investiga fraudes e desvios na Saúde e na Educação da Paraíba. Dessa vez o alvo é um suposto "esquema" de pagamento de propina e lavagem de dinheiro, através de contratos firmados entre o Estado e empresas que forneciam produtos agrícolas.

De acordo com o Gaeco, alguns dos repasses teriam contribuído para a compra de um imóvel, localizado em um condomínio no bairro Portal do Sol, pelo ex-governador Ricardo Coutinho (PT).

O imóvel teria sido adquirido por R$ 1,7 milhão. A denúncia relata o caminho supostamente percorrido pelo dinheiro usado na compra.

Já o filho do ex-governador, Ricardo Cerqueira Coutinho, teria simulado a "compra e venda de imóvel com o pai, Ricardo Vieira Coutinho, visando a ocultação da origem ilícita do patrimônio deste, sendo o dinheiro auferido com a suposta transação empregado na aquisição do imóvel residencial de Ricardo Vieira Coutinho, objeto desta denúncia, dando aspecto de licitude à transação".

Fonte: Jornal da PB

Comunicar erro
Vacina - Governo Federal

Comentários