PMJP - Julho

Nilvan Ferreira critica cobrança de "imposto do sol" no governo João Azevêdo e promete adotar incentivos fiscais para fomentar a produção de energias renováveis na Paraíba

Por Redação - Além do Fato em 19/07/2022 às 12:16:04

A conta de luz tem pesado no bolso dos consumidores brasileiros e levado pessoas físicas e jurídicas a buscarem alternativas para tentar reduzir essa despesa. Uma opção tem sido a energia solar, tanto pela questão econômica como também pela ambiental.

O tema energia renovável não é novidade no Brasil. Há algumas décadas fala-se sobre a importância de promover mais pesquisa e desenvolvimento no setor, de modo a obter novas possibilidades, acelerar o crescimento tecnológico e atenuar a dependência do país frente à energia hidrelétrica.

Na Paraíba, o pré-candidato a governador Nilvan Ferreira (PL) afirmou que, se eleito, vai acabar com o que ele chamou de "imposto do sol".

"Digo a todos que compraram sua plaquinha de energia solar financiada em qualquer banco: a partir do inicio do 2023, eu vou acabar com isso. Pode anotar o que estou dizendo. Se eleito, acabarei com isso", emendou.

Nilvan garantiu também que vai dialogar com todos os segmentos para que, dentro de cada realidade, a gente implante uma política de redução de ICMS.


Comunicar erro
Governo Federal

Comentários