Cineasta Bertrand Lira lança documentário que relata trajetória de sofrimento da ex-prefeita Márcia Lucena e critica métodos da Operação Calvário

Por Hagnon Halberto em 25/11/2021 às 12:29:02

Presa em dezembro de 2019 no âmbito da Operação Calvário e monitorada desde então por meio de tornozeleira eletrônica, a ex-prefeita de Conde, Márcia Lucena (PT), é o personagem central de um documentário que será lançado nesta quinta-feira (25), em João Pessoa. O filme "Calvário" conta dois anos da sua vida, desde que teve seu nome envolvido como integrante da organização criminosa que teria desviado bilhões da saúde e da educação no estado.

O lançamento será realizado no Sindicato dos Bancários, às 19h, e contará com a presença da personagem central. Márcia poderá participar após ter conseguido "afrouxar" a medida cautelar e ter o direito de também estar em João Pessoa. Até então, seu raio de circulação estava limitado a Conde, onde reside.

A organização é do grupo Liberta engajado na luta pela libertação da personagem do documentário. Segundo os organizadores a entrada é gratuita, mas os espectadores devem apresentar a comprovação de vacina. No sábado (27), o documentário será exibido na TV 247 acompanhado de entrevistas com Bertrand Lira e Márcia Lucena.

O documentário é dirigido e produzido por Bertrand Lira e tem direção de fotografia e câmera de Rodrigo Barbosa, que também é responsável pela edição. A trilha sonora é com a música de Didier Guigue (Le monde des brutes). Calvário conta com a participação de Márcia Lucena, João Lucena (seu filho), Nanego Lira (se companheiro) e seu pai, professor Iveraldo Lucena, morto durante o processo.

Comunicar erro
Vacina - Governo Federal

Comentários