Vereador Bispo José Luiz debate implantação do Hospital Veterinário de João Pessoa

Por Hagnon Halberto em 28/07/2021 às 23:03:42

Representantes independentes da causa animal, de organizações não governamentais ligadas à questão ambiental e técnicos da Prefeitura Municipal e o vereador Bispo José Luiz (Republicanos) estiveram presentes na reunião promovida pela Secretaria de Meio Ambiente (Semam), no auditório da Central de Comercialização da Agricultura Familiar (Cecaf), para discutir proteção e cuidado com os animais, além da construção do Hospital Veterinário do município.

Na oportunidade, Bispo José Luiz lembrou do Projeto de Lei N° 29/2021, de sua autoria, que dispõe sobre a criação do Hospital Veterinário, de um Posto de Saúde Veterinário e da Farmácias Veterinárias Populares no âmbito do Município de João Pessoa.

O secretário de Meio Ambiente, Welison Silveira, falou sobre a alegria de conseguir mobilizar os interessados na causa animal e promover um diálogo construtivo. "Essa é uma ação inédita de mobilização de representantes da sociedade civil organizada, para discussão da causa animal. Para nós, essa mobilização é extremamente positiva. A gestão está cuidando do meio ambiente aberta ao diálogo. Quando cuidamos dos animais, das áreas verdes, estamos cuidando das pessoas também", concluiu. Diversos temas foram discutidos, como a possível proibição de fogos de artifício, o cuidado com animais abandonados e o planejamento e construção do futuro Hospital Veterinário Municipal.

Hospital Veterinário – Os técnicos e arquitetos da Semam e Secretaria de Planejamento (Seplan) vêm trabalhando no projeto do hospital veterinário municipal, seguindo as normas do Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV – Resolução 1275/2019). Foi instalada uma Comissão Técnica no Conselho Municipal de Meio Ambiente (Comam), presidido pelo secretário de Meio Ambiente, Welison Silveira. Esta Comissão elaborou um Termo de Referência que prevê todas as etapas e o planejamento do hospital veterinário, que vai funcionar no Bairro dos Estados.

Comunicar erro
Vacina - Governo Federal

Comentários